Radicado em Natal, jovem escritor de Rondônia usa a poesia para temáticas como racismo e homofobia

Compartilhar

Lucas Der Leyweer está trabalhando em seu 3° livro, um romance voltado à temática LGBTQIA+.

Foto: Divulgação

Lucas Der Leyweer. Um jovem de 22 anos, natural de Rondônia, que atualmente vive em Natal. Com pouca idade, Lucas leva a sua arte e sua história para mais de 7 mil seguidores em suas redes sociais. Em 2021, no auge da pandemia, nasce seu primeiro livro de poemas, "Pequenos poemas para grandes corações" livro este, que é considerado um caos para o escritor, uma vez que o livro fala sobre amores e desamores, sobre vida do autor; de gente ao seu redor e das pessoas com as quais ele convive. Os poemas desse livro são de fácil identificação. 

No mesmo ano (2021) Lucas publicou seu segundo livro de poemas chamado "Vivências de peles negras" Como o título da obra já diz, o livro conta a vivência do povo preto brasileiro. Alguns dos poemas falam do "Caso Gabriel", um garoto morto pela polícia. Segundo Lucas, cada poema do livro conta uma história de vida impactada pela cor da pele, denunciando o racismo, a segregação racial e a falta de oportunidades. É nesse grande mar de palavras, onde Lucas evidencia que a pele negra já cansada de ser o alvo, ganha voz e grita que não aceita mais ser a caça.

No momento, Lucas está trabalhando em seu 3° livro, o qual será um romance voltado à temática LGBTQIA+.


O texto é de responsabilidade do escritor. Para saber mais sobre suas publicações, o contato pode ser feito pelo Instagram @lucasderleyweer
Compartilhar

0 comentários em "Radicado em Natal, jovem escritor de Rondônia usa a poesia para temáticas como racismo e homofobia"

Postar um comentário

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
WILL VICENTE RECOMENDA